Início Geral Vereadores cobram Van para o Centro de Atenção Psicossocial de Sorriso

Vereadores cobram Van para o Centro de Atenção Psicossocial de Sorriso

0

Durante a 1ª sessão Ordinária do ano foi apresentado pela vereadora Professora Silvana – PTB, juntamente com os vereadores Bruno Delgado – PMB, Claudio Oliveira – PL, Professora Marisa – PTB, Fábio Gavasso – PSB e Mauricio Gomes – PSB, o Requerimento 013/2020 que requer a destinação de verba parlamentar com a finalidade de adquirir um veículo tipo Van para o Centro de Atenção Psicossocial de Sorriso/MT.

O Centro de Atenção Psicossocial – CAPS é um serviço do Sistema Único de Saúde, de caráter aberto e comunitário, constituído por uma equipe multidisciplinar que presta atendimento a usuários com transtornos mentais graves e persistentes, a pessoas com sofrimento e/ou transtornos mentais em geral e também aqueles decorrentes do uso de álcool e drogas.

O CAPS do Município de Sorriso possui atualmente uma média de 160 usuários cadastrados, sendo que a frequência diária de usuários em tratamento está entre 30 a 40. A equipe recebe ainda uma média de 04 a 06 acolhimentos novos diariamente.

Atualmente um veículo modelo Kombi com 12 lugares, para uso no transporte dos usuários em tratamento. Porém devido ao elevado número de atendimentos diários, faz-se necessário a aquisição de um veículo modelo micro-ônibus ofertando mais lugares, maior conforto e acessibilidade.

Segundo dados da Organização Mundial de Saúde 10% da população sofre com transtornos graves, o que significa que em uma população de 80 mil pessoas, 8 mil estarão apresentando transtornos mentais graves.

Grande parte dos que frequentam o CAPS são pessoas de baixa renda necessitando do apoio do poder público para tratamento e deslocamentos.

Com a VAN serão transportados pacientes dos diversos bairros até o CAPS, bem como estes pacientes serem acompanhados de forma intensiva pela equipe, tanto no período matutino, quanto vespertino. O CAPS necessita transportar em média 40 pacientes/dia. Também será utilizada para a realização das visitas domiciliares e busca ativa.

“As famílias mais carentes vivem nos bairros mais afastados serão os mais beneficiados com essa VAN que precisa ser adquirida o mais rápido possível”, destacou Silvana.

DA ASSESSORIA/Salles Fernandes