Início Cidades Sorriso Sorriso: Damiani fiscaliza obras do INSS e volta a cobrar a contratação...

Sorriso: Damiani fiscaliza obras do INSS e volta a cobrar a contratação de mais médicos e a realização de mutirão de atendimentos

0

A obra começou em 2012 e deve ser entregue ainda neste mês

O presidente da Câmara de Vereadores, Leandro Damiani, esteve, na manhã desta quarta-feira (13), fiscalizando as obras da Agência do Instituto Nacional do Seguro Social – INSS de Sorriso. O parlamentar esteve acompanhado do gerente executivo do INSS Sinop, Tarcísio Passos, e da gerente do INSS de Sorriso, Kelvinha Jeronimo.

“Esta é uma obra que começou em 2012 e que é muito aguardada pela população. Durante todo este ano, estivemos em busca da conclusão desta obra e da contratação de mais médicos peritos para esta Agência. O prédio está pronto e deverá ser entregue ainda este mês”, ressalta Damiani.

Durante a visita, o presidente do legislativo ainda conversou com a médica legista Simone de Oliveira e pode ouvir as principais demandas do INSS de Sorriso. “Além da contratação de mais profissionais, iremos novamente até Brasília solicitar que seja realizado um mutirão de perícias médicas com máxima urgência, para dar mais agilidade às perícias que hoje estão sendo agendadas para até seis meses”.

O parlamentar já havia encaminhado ao ministro da Economia, Paulo Guedes, em 4 de agosto, um requerimento (nº 244/21), solicitando a contratação de dois médicos peritos para trabalhar na nova sede do INSS. Em 6 de maio, o presidente da Câmara requereu, junto à Superintendência Regional da Região Norte e Centro Oeste do Instituto Nacional do Seguro Social – INSS, a contratação dos profissionais e o mutirão de atendimento. As mesmas pautas já haviam sido solicitadas pelo vereador em 4 de maio e 29 de abril.

“Estamos pedindo agilidade no atendimento do INSS com novos peritos e o mutirão, pois devido à falta de profissionais, as perícias no município estão sendo agendadas para prazos extremamente longos, deixando a população desassistida no momento em que mais precisam”, frisou Damiani.

Texto: Bianca ArrudaFotos: Elielton Blasius