Início Geral Programa Vitamel é desenvolvido na Escola Primavera em Sorriso

Programa Vitamel é desenvolvido na Escola Primavera em Sorriso

0

O Vitamel é um dos programas desenvolvidos pela Prefeitura de Sorriso, através da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente e que vem contribuindo para a mudança de padrões e sedimentação da cultura da sustentabilidade no município.

Há quase um ano, as crianças da Escola Primavera vêm acompanhando de perto como é desenvolvido este programa. Nos fundos da escola localizada no distrito de Primavera, foram colocadas colmeias com abelhas inofensivas, onde se produz o mel. Além, desta produção, existem também colmeias, em uma mata próxima à escola onde são encontradas as flores necessárias para as abelhas produzirem o mel – a flor “cipó-uva”.

O diretor da Escola Primavera, Marcos da Silva, explica que todo o mel produzido, é levado até a Escola Primavera para a degustação dos alunos, além da comercialização. O valor obtido com a venda do mel é revertido para benfeitorias da escola.

“Nosso projeto começou em novembro do ano passado com 14 caixas e a nossa meta até o final deste ano, é chegar á 20 caixas. Porém, o prazer maior é ver toda esta criançada aproveitando deste saboroso e nutritivo produto e o fundamental é a preservação ao nosso meio ambiente”, declarou o diretor.

A secretária de Educação e Cultura, Lucia Drechsler acompanhou a retirada do mel, juntamente com o secretário de Agricultura e Meio Ambiente Márcio Kuhn e enalteceu este projeto que está trazendo novos aprendizados aos alunos.

“Achei maravilhosa a experiência vivenciada hoje com a colheita do mel, foi muito importante ver como as crianças gostam deste produto que traz tantos benefícios para a saúde. Além, das crianças estarem aprendendo conceitos e experiências sobre o meio ambiente, também se conscientizam da importância de interagir e preservar a natureza. Parabenizo o diretor Marcos e a coordenadora Clarice, pelo projeto do Vitamel que conta com o apoio da Administração Pública. Para Secretaria de Educação, esse é um exemplo que podemos implantar em outras escolas, pois agrega na aprendizagem dos alunos”, explicou Lucia.

A coordenadora do Vitamel, Clarice Saueressig, destacou que um dos objetivos do programa é justamente sensibilizar a sociedade, principalmente as crianças, sobre a importância de se respeitar as abelhas que produzem um alimento tão nutritivo com ação antioxidante, antibacteriana, antisséptica, anti-inflamatória e antibiótica natural, além de apresentar alguns compostos que auxiliam no mecanismo da cicatrização.

DA ASSESSORIA/Amalia Fernandes/Fotos: Cleiton Izidorio

 

Deixe um Comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here