Camara
Posto Smile 550×100
Início Cidades Sorriso Prefeitura de Sorriso alerta para golpe com arrecadação de alimentos e recursos...

Prefeitura de Sorriso alerta para golpe com arrecadação de alimentos e recursos financeiros

0

A Administração Municipal alerta os moradores para que fiquem atentos a criminosos que têm aproveitado a pandemia da Covid-19 para aplicar golpes com a falsa promessa de arrecadação de alimentos e recursos financeiros em nome da Prefeitura de Sorriso.

No fim de semana, quatro mulheres foram presas acusadas de aplicarem golpes no município. Elas usavam, indevidamente, materiais timbrados com a logomarca da Prefeitura. Ao tomar conhecimento do golpe, o secretário de Segurança, Trânsito e Defesa Civil, José Carlos Moura, acionou a Policia Militar para que verificasse a situação.

As mulheres estavam próximas a um supermercado, na área central, abordando pessoas pedindo apoio para uma campanha que buscava arrecadar alimento e recursos financeiros para ações em parceria com o Poder Público. As informações são de que essas mulheres teriam também passado por outras cidades aplicando o mesmo golpe.

De acordo com a Polícia Militar, em poucos dias foram arrecadados em dinheiro, por meio de cartão de débito e crédito, mais de R$ 30 mil, além de outros contratos parcelados em 10 ou 12 vezes no cartão. A PM acredita que a arrecadação de alimentos era feita por fachada, já que o objetivo do golpe seria a arrecadação financeira.

DOAÇÕES LEGAIS

A secretária de Assistência Social de Sorriso, Jucélia Ferro, ressalta que os interessados em fazer doações para famílias em situação de vulnerabilidade social devem fazê-lo diretamente na sede da secretaria. Jucélia frisa ainda que, a partir de janeiro, também será possível doar no Armazém Social, localizado ao lado do CRAS São Domingos.

“No Armazém recebemos doações de material de construção, móveis, eletrodomésticos. Qualquer pessoa que tiver sobras de materiais, troca de móveis ou de eletros em perfeitas condições poderá doar e dessa forma poderemos aumentar a rede do bem, porque o que sobrou na construção da sua casa poderá moldar o sonho da casa própria ou da reforma da casa de outra pessoa”, explica.

Texto: Bianca Arruda