Início Editorias Educação MT: Estudantes utilizam plataforma digital para acompanhar conteúdo do Enem

MT: Estudantes utilizam plataforma digital para acompanhar conteúdo do Enem

0

Mesmo com a suspensão das aulas presenciais, em decorrência da pandemia provocada pelo novo coronavírus, alunos do 3º ano do ensino médio, que vão prestar este ano o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), continuam estudando os conteúdos nas diferentes áreas de conhecimento. Isso é possível por meio da plataforma digital Aprendizagem Conectada, disponibilizada pela Secretaria de Estado de Educação (Seduc) aos estudantes das escolas da rede estadual.

Os conteúdos são disponibilizados em atividades semanais, com tarefas complementares e vídeos relacionados às atividades propostas.

Conforme explica a secretária adjunta de Gestão Educacional, Rosa Maria Luzardo, o aluno pode salvar todos os arquivos dos materiais didáticos no celular ou no computador, fazendo o download, e estudar no horário que for mais adequado.

“A Seduc criou essa plataforma para mobilizar os alunos nesse período de isolamento social para que eles deem continuidade à sua rotina de estudos. Todas as atividades pedagógicas foram focadas na Base Nacional Comum Curricular e contêm uma linguagem coloquial e de fácil entendimento”, destaca Rosa Luzardo.

Júlia Carvalho de Souza, 16 anos, aluna da Escola Plena José de Mesquita, já baixou o material da primeira semana e está estudando em casa. A estudante vai tentar uma vaga para o curso de Biologia e, para obter sucesso, ela estuda em média 6 horas por dia.

“Penso que nenhuma tecnologia substitui o professor em sala de aula, mas esse material vai nos auxiliar muito. Com essa plataforma estamos tendo melhor direcionamento para o que estudar. Foi muito bem elaborada e organizada e, por ser dividida em pastas, fica mais fácil de mexer e de ter acesso”.

Para a mãe de Julia, a professora Edna Carvalho Mendes Souza, apesar de terem que ficar em isolamento social, os estudos não devem ser interrompidos. Ela diz que incentiva a filha a continuar com a rotina escolar, próximo daquela que a adolescente tinha na escola.

“Essa plataforma trouxe mais tranquilidade e organização para ela, que ficou mais confiante sabendo que está estudando de acordo com o currículo da escola”, disse a mãe.

Na Escola Estadual Jerônimo Gomes da Silva, localizada no município de Araguaiana (a 563 quilômetros de Cuiabá) 41 alunos estão matriculados no 3º ano do ensino médio e estão usando a plataforma para estudar em casa os conteúdos do Enem.

O diretor da escola, Wellyngton Rocha Figueira, ressalta que, apesar de as aulas não serem presenciais, a escola está tendo um papel fundamental nesse momento. Ele explica que alguns alunos moram em locais de difícil acesso à internet, como em fazendas, mas a escola os auxilia com materiais impressos ou fazendo download das atividades.

DA ASSESSORIA GOV MT