Posto Smile 550×100
PREFEITURA  DE  SORRISO
Início Geral Aumentam os números de denúncias de festas e aglomerações durante a pandemia...

Aumentam os números de denúncias de festas e aglomerações durante a pandemia em Sorriso

0

Ainda em março deste ano a Prefeitura de Sorriso criou um canal de comunicação direta com a população. A central de informação sobre o Covid-19, que atende pelo telefone 150, foi criada para orientar as pessoas e sanar dúvidas quanto a pandemia, além de auxiliar nas consultas, exames e acompanhamento dos pacientes. Mas uma das funções da central vem crescendo nos últimos dias e preocupando os gestores: as denúncias.

“Não sabemos se as pessoas passaram a conhecer agora o número 150, e por isso tenham crescido as denúncias, ou se as festas clandestinas, os bares funcionando irregularmente e as aglomerações estão aumentando na cidade, o que seria uma situação extremamente preocupante diante do cenário atual”, pontua o coordenador da unidade, Renato Ferreira Silva.

Segundo Renato, nos últimos meses os números de denúncias vêm aumentando expressivamente. “Em junho cerca de 10% dos atendimentos eram relativos a denúncias e somente na primeira semana de julho esse percentual já subiu para mais de 20% dos nossos atendimentos”, explica.

De 26 a 31 de maio foram 211 atendimentos, sendo 62 denúncias e 149 ligações solicitando informações sobre Covid. Em junho foram 3.187 atendimentos, sendo 304 de denúncias e 2.883 para informações. Nos primeiros oito dias do mês de julho a central já realizou 1.535 atendimentos, sendo 362 denúncias, número superior a todo o mês de junho, e 1.173 pedidos de informações.

Ligada diretamente à Secretaria Municipal de Saúde e Saneamento, a central de informações atende 24h, todos os dias da semana, para receber denúncias, passar orientações e informações sobre este período de pandemia. As ligações para o 150 são gratuitas, os profissionais trabalharam em regime de plantão, para atender as demandas e estarem prontos a orientar a população.

A central tem conexão com as forças de segurança e os órgãos de fiscalização e as denúncias são repassadas em tempo real para os Agentes de Trânsito, fiscais do Núcleo Integrado de Fiscalização (NIF) e da Vigilância Sanitária, e ainda para a Polícia Militar.

DA ASSESSORIA