Início Geral Sorriso: Presidente diz que projeto dos 45 milhões esta acelerado; culpou falta...

Sorriso: Presidente diz que projeto dos 45 milhões esta acelerado; culpou falta de documentos

1

Nesta manhã(08), o  prefeito de Sorriso Ari Lafin concedeu uma entrevista coletiva a imprensa, momento em que assinava a construção de quase uma dezena de novas salas de aulas no município.

Na ocasião o prefeito também falou sobre o projeto que esta a cerca de 60 dias na câmara para ser apreciado pelos edis,  para que eles autorizem ou não o executivo a financiar junto a Caixa Economica, um montante de até R$ 45 milhões para obras de infraestruturas no municipio.

O prefeito disse estar agoniado  com o caso já que o projeto não estaria sendo pautado. Lafin cobrou dos vereadores presentes que fizesse o mesmo ao presidente da Casa de Leis(cobrassem) para que   o projeto  fosse apreciado e que tivesse um fim(aprovado ou não).

Na tarde de hoje a reportagem do MTnoticias conversou por telefone com o presidente da Casa de Leis, Cláudio Oliveira, sobre a cobrança que Lafin fez nesta manhã,   do projeto como   ficou conhecido: dos “R$ 45 milhões”.

Claudio de Oliveira  disse que  esta dando prioridade ao projeto, porém disse que o executivo estaria demorando para mandar  alguns documentos necessários para dar andamento na Casa. “O projeto até hoje nunca parou, porque o projeto chegou na casa e foi pras comissões…comissão de finanças, orçamento e fiscalização, onde pediram alguns documentos para constar no projeto. Eles(executivo) não mandaram, eles mandaram essa documentação somente  semana passada  junto com o  substitutivo(projeto). Então o projeto esta até acima do previsto dos outros. Nós estamos até acelerando a situação”, disse o presidente   transparecendo em sua fala estar um pouco contrariado com as insinuações de que a câmara estaria travando o projeto.

Na manhã de hoje ocorreu também a 10° sessão ordinária de 2019 na Câmara(VEJA AQUI) e  um parecer  elaborado pelos vereadores Silvana Fáccio e Bruno Delgado,  contrários ao projeto dos R$ 45 milhões,  foi votado e  reprovado pela maioria dos edis(6 votos a 3). Caso o parecer de Faccio e Delgado fosse aprovado  o projeto dos R$ 45 milhões teria que ser arquivado.

Tudo indica que os vereadores deverão fazer uma emenda ao projeto e autorizando somente R$ 25 milhões,  valor que o executivo  daria conta de investir nesta gestão, e caso o próximo gestor decidisse pegar os demais R$ 20 milhões  restantes, estaria disponibilizado na Caixa,  mas o novo gestor teria que pedir novamente a autorização    da Casa de Leis.

Tudo indica que a aprovação de  R$  25 milhões   terá   maior facilidade de ser aprovado na câmara, se comparado aos 45 milhões requerido por Lafin.

O presidente Cláudio Oliveira disse a reportagem que assim que o projeto passar  pelas comissões   pautará  em seguida e levará  para apreciação  na sessão seguinte. “Nas comissões,  tenho que ver como será o parecer dos relatores, não sei se eles vão acompanhar o de finanças… Eu preciso que passe pelas comissões…eu não consigo pautar projeto sem passar pelas comissões. Então se passar até quinta feira, na próxima sessão ou na outra eu já pauto o projeto; então em duas semanas já é pautado, mas  preciso que tenha o parecer de todas as comissões”. 

Atualizado

Foto reprodução

 

Sorriso: Prefeito cobra decisão do projeto de 45 milhões; “aprovado ou desaprovado”

1 COMENTÁRIO

  1. Não sei pq tanto alarde, o Rossato deixou R$ 20 milhões de dívida…comprou uma área de R$ 10 milhões para uma Fundação que só serve para pagar altos salários. Esses vereadores me envergonham.

Deixe um Comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here