Início Cidades Sorriso Sorriso figura pela quarta vez consecutiva no Mapa do Turismo Brasileiro

Sorriso figura pela quarta vez consecutiva no Mapa do Turismo Brasileiro

0

Todos os critérios de atualização do programa foram atingidos pelo Município. Foram analisados itens como desempenho da economia do turismo, empregos gerados no setor, recebimento de turistas e quantidade de meios de hospedagem.

Sorriso está, mais uma vez, entre as regiões turísticas de Mato Grosso que figuram no Mapa do Turismo Brasileiro do Ministério do Turismo (MTur). Pela quarta vez consecutiva o Município apresentou todas as condições de atualização do programa.

Os requisitos avaliados no estudo medem a quantidade de estabelecimentos de hospedagem e a quantidade de empregos gerados pelos mesmos, quantidade estimada de visitantes domésticos e internacionais, e a arrecadação de impostos federais a partir dos meios de hospedagem.

De acordo com o turismólogo da Município, Ricardo Henrique dos Santos, permanecer no Mapa do Turismo pelo quarto ano seguido é um feito muito grande para nós pois o Ministério do Turismo vem estreitando, a cada ano, os requisitos para cada município permanecer no mapa.

“Os critérios são rigorosos e Sorriso atendeu todos eles, quantidades de leitos de hotel, infraestrutura, arrecadação de impostos federais, embarque e desembarque de passageiros no aeroporto,” conta ele.

Ele acrescentou que a cidade possui uma rede de gastronomia fantástica, com pousadas, aqcua parques, parques, pesque e pague e o carro chefe, o turismo de agronegócio. “Hoje o Município está na categoria B do Mapa do Turismo por atender todos esses requisitos”, elucida o turismólogo.

O Mapa do Turismo Brasileiro é um instrumento destinado a orientar a atuação do Ministério do Turismo (MTur). O Mapa define o recorte territorial a ser trabalhado pelo MTur no setor do incremento de políticas públicas. Ele é atualizado a cada dois anos e os municípios que fazem parte dele são recomendados pelos órgãos estaduais de turismo junto às instâncias de governança regionais.

Segundo o Secretário Municipal de Cultura, Turismo e Juventude, Salles Fernandes, “fazer parte desse programa nos possibilita participar da política nacional de turismo, pleitear recursos junto aos órgãos e nos beneficiarmos das ações do MTur”.

O turismólogo Ricardo Henrique pontuou que “a importância é significativa para a Capital do Agronegócio. Cada vez mais, Sorriso vem mostrando seu melhor, tanto no turismo de esportes e lazer quanto no turismo de agronegócios. Trabalhamos duro para isso se concretizar. Estou muito satisfeito”, exclama.

O Município faz parte da região turística Portal do Agronegócio e foi incluído na lista por meio do Programa de Regionalização do Turismo (PRT) e seus Interlocutores Estaduais. A vigência da inclusão vale até 12 de abril de 2025.

DA ASSESSORIA