Início Cidades Sorriso Sorriso: Departamento de Cultura recebe equipamentos para as oficinas de ginástica rítmica

Sorriso: Departamento de Cultura recebe equipamentos para as oficinas de ginástica rítmica

0

Quando pensamos na prática de atividades na área educacional, a ginástica rítmica é uma das modalidades extracurriculares que mais oferece benefícios à formação das crianças, pois estimula o desenvolvimento neuropsicomotor, promove a concentração, corrige as más posturas, estimula a autoconfiança e favorece a flexibilidade e a força muscular.

A ginástica rítmica é um esporte que combina balé, dança e ginástica com a utilização de aparelhos como bola, fita, arco, corda e maças. Nesta semana, o Departamento de Cultura recebeu uma séria destes materiais para a prática da ginástica rítmica nas oficinas que estão sendo ofertadas nos distritos de Primavera e Boa Esperança, que atende crianças e adolescentes de 5 a 16 anos. “Estamos muito felizes com a chagada dos aparelhos. Eles serão muito importantes para o desenvolvimento dos treinos”, disse o professor Renan Diego, que ministra as oficinas.  

Segundo a secretária-adjunta da Secretaria Municipal de Educação e Cultura, Marisa Netto, o Departamento conta somente com um professor apto para as aulas de ginástica rítmica, por isso a oferta desta modalidade somente nos distritos. “Estamos à procura de professor, pois a nossa intenção é ofertar a ginástica rítmicas também nos pólos da cidade”, explica.

Além das aulas de ginástica rítmica, também são ofertadas pelo Departamento de Cultura aulas de canto, balé, desenho e pintura, dança de rua, teatro, violão, flauta, teclado, bateria, fanfarra, capoeira e karatê. Para facilitar o acesso, as aulas são ministradas em vários pontos do município: no Centro de Eventos Ari José Riedi, no Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU) Sorriso Mestiço | Dorival Brandão, no Centro de Musicalização do bairro São Domingos, na Indústria do Conhecimento (Biblioteca Sesi), no Cemeis Aquarela do Saber (Residencial Mário Raiter), na Escola Estadual Arlete Maria Capellari, nas Escolas Municipais Flor do Amanhã e Gente Sabida; na Biblioteca Municipal Monteiro Lobato, além dos distritos de Primavera e Boa Esperança do Norte.

“É inegável a influência positiva da arte no processo educativo, por isso, trabalhamos no sentido não só de ampliar o acesso às oficinas, mas também de fornecer os equipamentos necessários para as aulas para que proporcionem todos os benefícios aos alunos”, destaca a secretária de Educação e Cultura, Lúcia Drechsler.

Texto: Fabiola Ost Fotos: Departamento de Cultura