Início Geral Virtualmente, equipe da Biblioteca Monteiro Lobato sugere atividades para ocupar o tempo...

Virtualmente, equipe da Biblioteca Monteiro Lobato sugere atividades para ocupar o tempo das crianças durante isolamento

0
Compartilhar

“Era uma vez, num planeta chamado Terra, um vírus pequenininho, mas muito pequenininho mesmo, fez com que grande parte das pessoas precisasse ficar em casa, para evitar que esse vírus se espalhasse ainda mais. Por conta disso, as crianças ficaram sem ir para a escola e precisaram redescobrir formas de se divertir e aprender. Sabe onde muitas delas acharam a solução para este desafio? Na leitura, que abre as portas da imaginação e permite viajar para onde a história conduzir.”

 

A pandemia pelo novo Coronavírus tem transformado realidades em todos os países do mundo. No entanto, mesmo com as particularidades de cada cultura, crianças são crianças, e com a suspensão das atividades escolares, promover atividades para ocupar o tempo de maneira produtiva e divertida tem sido um desafio para os pais ou responsáveis.

Com este objetivo, a equipe da Biblioteca Municipal Monteiro Lobato, que também está fechada por conta da pandemia, vem postando dicas diárias em sua conta no Instagram (fomento.bpmml.sorrisomt), para sugerir leituras e também atividades que podem ser promovidas para tornar mais leve este período de reclusão para as crianças. “ A ideia nasceu em uma reunião com a secretária Lúcia Korbes Drechsler e todas as informações disponibilizadas são seguras, pois foram devidamente filtradas e analisadas antes de serem compartilhadas”, destaca a coordenadora de fomento à leitura da Monteiro Lobato, Leda Maria Ferraz, reforçando que as dicas vão desde sugestões de filmes, livros on line, audiobooks, curiosidades, opções de brinquedos para os adultos fazerem com os pequenos em casa a partir de materiais básicos, e até mesmo receitas, permitindo que adultos e crianças se aventurem na cozinha.

Leda lembra ainda que ontem (2) foi celebrado no mundo inteiro o Dia do Livro Infantil e aniversário de Hans Christian Andersen, autor de clássicos como “O Patinho Feio” e “O Firme Soldado de Chumbo”. Ela explica que Andersen é considerado o primeiro autor moderno de contos de fadas, pois, além de adaptar as histórias da tradição oral, assim como Charles Perraut e os Irmãos Grimm, ele também inventava suas narrativas. “Usar a imaginação e criar as próprias histórias também pode ser uma boa estratégia para, neste momento de tensão, ajudar as crianças a passarem por este período de maneira mais leve”, complementa.

DA ASSESSORIA/Nádia Mastella